quinta-feira, janeiro 11, 2007

O NOSSO PORTUGAL

Eu sou 100% a favor da liberalização do aborto!
Note-se, a votação é a favor da liberalização da interrupção voluntária da gravidez e não como por vezes parece, atendendo ao fundamentalismo exacerbado de alguns adeptos do Não, que se está a votar para a obrigatoriedade de abortar em qualquer situação.
Se vencer o Sim nenhuma mulher vai ser obrigada a abortar, mas também nenhuma vai ser impedida, essa sim é a maior hipócrisia vigente na nossa actual lei.
Não se esqueçam a nossa liberdade termina onde começa a dos outros!!

2 comentários:

Coimbra disse...

Não é fácil nestas e mesmo noutras questões estarmos de acordo, mas desta vez...a coisa deu-se.
Estou no essencial de acordo contigo. Não sou tão radical no meu SIM, mas sou claramente a favor da despenalização do aborto.Tenho algumas questões que envolvem o meu "SIM", mas claramente SIM.
E essencialmente também me aborrece o fundamentalismo e a hipocrisia dos favoráveis ao NÃO.

Por uma vez de acordo, já não é mau.

Abraços

Camisa Azul disse...

Eu sou 100% a favor da liberalização do assassinato
Note-se, a votação é a favor da liberalização do assassinato e não como por vezes parece, atendendo ao fundamentalismo exacerbado de alguns adeptos do Não, que se está a votar para a obrigatoriedade de matar em qualquer situação.
Se vencer o Sim nenhum homem ou mulher vai ser obrigada a matar, mas também ninguém vai ser impedido, essa sim é a maior hipócrisia vigente na nossa actual lei.
Não se esqueçam a nossa liberdade termina onde começa a dos outros!!